Chefe da diplomacia russa ameaça o mundo: única alternativa a sanções seria guerra nuclear devastadora

Sergei Lavrov, chefe da diplomacia russa, disse nesta quarta-feira (02/03) que o presidente norte-americano, Joe Biden, sabe que a única alternativa às sanções contra Moscou é uma terceira guerra mundial, que seria “nuclear e devastadora”.

Biden “tem experiência e sabe que não há alternativa às sanções, senão a guerra mundial” e, “A terceira guerra mundial seria uma guerra nuclear devastadora”, disse Lavrov à televisão do Catar, Al Jazeera.

Lavrov disse que a Rússia está pronta para enfrentar as sanções, mas admitiu que não esperava que visassem atletas, intelectuais, artistas e jornalistas.

Mas “a Rússia tem muitos amigos e não pode ser isolada”, afirmou ele, de acordo com a Al Jazeera.

Lavrov reiterou a disponibilidade de Moscou de realizar a segunda rodada de negociações com o governo ucraniano, que acusou de estar atrasando as conversações “sob ordens norte-americanas”.

Sobre as razões do atual conflito com a Ucrânia, Lavrov disse que os países ocidentais se recusaram a atender às exigências da Rússia para a formulação de nova arquitetura de segurança europeia.

A operação militar russa, que chega ao sétimo dia, visa desarmar a Ucrânia e impedi-la de adquirir arma nuclear, disse Lavrov, citado pela Al Jazeera.

“Não podemos permitir a presença de armas ofensivas na Ucrânia que ameacem nossa segurança”, acrescentou.

*Com informações da Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.