Globo perde audiência pelo terceiro mês consecutivo

Pelo terceiro mês consecutivo, a emissora carioca enfrenta o seu pior ibope da história na maior parte do território brasileiro. Os índices das novelas e do Jornal Nacional do horário nobre ilustram o tamanho do problema.

De acordo com o site Notícias da TV, pelo terceiro mês seguido, a Globo marcou o pior ibope mensal no PNT (Painel Nacional de Televisão), que mostra a audiência das 15 maiores regiões metropolitanas do país. Em novembro, a média 24 horas (das 6h às 5h59) foi de 10,8 pontos.

Conforme dados obtidos pelo site, a emissora nunca tinha ficado abaixo dos 11 pontos de média nessa medição antes de setembro deste ano, quando marcou 10,9. Chegou aos 10,8 em outubro, desempenho repetido em novembro.

Até o momento, os piores índices mensais tinham sido registrados em dezembro de 2018 (11,1) e dezembro de 2020 (11,2), o que é considerado normal, já que o último mês do ano tem um número menor de televisores ligados por conta do período de festas e viagens. Ou seja aparentemente ainda existe o risco de um novo recorde negativo acontecer em dezembro deste ano.

Na comparação com Record, SBT e até a Band, que tem planos de entrar na disputa pela vice-liderança no ano de 2022, a emissora carioca foi quem mais sofreu no horário nobre de novembro de 2020 para o mesmo mês em 2021. Entre os fatores para diminuir a performance da Globo, está a rejeição dos telespectadores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.