Bancada do PDT mudará orientação e deve votar contra PEC dos Precatórios

Os deputados do PDT que votaram favoráveis a PEC dos Precatórios decidiram rever a posição. A mudança de postura foi selada em um jantar na noite de ontem (8/11) onde estiveram nove dos quinze políticos que deram aval à medida.

O texto-base da PEC foi aprovado na Câmara dos Deputados na última quinta-feira (4/11), por 312 votos a 144, em primeiro turno. Na ocasião, 15 dos 25 deputados federais que integram a bandada do partido votaram a favor da medida. A decisão dos parlamentares irritou até o pré-candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, que decidiu suspender a candidatura.

Vale ressaltar que, a reação de Ciro Gomes tenha sido uma das motivações principais para o partido reavaliar a orientação da bancada, o Ceará, reduto eleitoral da família Gomes, será um dos estados mais beneficiados pelas mudanças na Pec dos precatórios.

Na tarde de hoje (9/11), a Executiva do PDT se reúne, em Brasília, para discutir a posição do partido no segundo turno de votação da PEC dos Precatórios e há a possibilidade de fechamento de questão, ou seja, possíveis punições a quem não seguir a posição da legenda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.