COVID-19, uma pandemia de medo fabricada pelas autoridades, diz epidemiologista da universidade de Yale

O professor de epidemiologia da Escola de Saúde Pública de Yale e do Departamento de Epidemiologia e Saúde Pública da Escola de Medicina de Yale Harvey Risch, concedeu uma entrevista ao programa American Thought Leaders, da EpochTV, na última terça-feira (30/11) e afirmou que a Covid-19 e mais que uma grave crise sanitária, a pandemia no mundo é marcada pelo medo e pelo pânico generalizado.

Eu diria que tivemos uma pandemia do medo. E o medo afetou quase todos, enquanto a infecção afetou relativamente poucos

Risch

E acresentou:

Em geral, tem sido uma pandemia muito selecionada e previsível. A doença era muito distinta entre jovens e idosos, saudáveis e pessoas com doenças crônicas. Assim, descobrimos rapidamente quem estava em risco durante a pandemia e quem não estava… Porém, o medo foi fabricado para todos. E é isso que caracteriza toda a pandemia: o grau de medo e a resposta das pessoas ao medo.

Risch

Risch é autor de mais de 300 publicações originais revisadas por pares e foi membro do conselho de editores do American Journal of Epidemiology.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.