Luis Miranda pede para remarcar depoimento à PF sobre vacinas da Covaxin.

O deputado Luis Miranda pediu que fosse remarcada a data de seu depoimento à Polícia Federal. Com isso, a oitiva prevista para a tarde de hoje (20/7) deverá ocorrer somente em agosto.

Irmão de Luis Miranda diz à PF que trocou de celular e não tem conversas sobre pressão por Covaxin.

Luis Miranda será ouvido no inquérito aberto para apurar suposta prevaricação do presidente Jair Bolsonaro diante de supostas irregularidades na importação da vacina indiana Covaxin.

O parlamentar disse que pediu para adiar o depoimento para acompanhar a filha na 22ª Copa Brasil de Kart, nesta semana, em Londrina (PR) — a filha do deputado competirá no torneiro. Segundo o parlamentar, o delegado da PF responsável pela investigação teria aceitado o pedido.

“Questionei o delegado se isso poderia atrapalhar de alguma forma as investigações. Ele disse claramente que não, que não era prioridade e que essa pressa no depoimento não faz diferença nenhuma, porque ainda tem muitos outros depoimentos para serem colhidos e que eu poderia ficar a vontade”, declarou Miranda.

2 thoughts on “Luis Miranda pede para remarcar depoimento à PF sobre vacinas da Covaxin.

  • 20/07/2021 em 14:59
    Permalink

    Isso é um mentiroso de marca maior . Todos conhecem muito bem essa peça até ” internacionalmente.

    Resposta
  • 25/07/2021 em 10:42
    Permalink

    Acusa o presidente de crime, irmão alega que perdeu a unica prova que tinha por trocar de celular, e a prioridade é acompanhar a filha em corrida de kart? Eita Brasil, é muita canalhice de uma só vez. Esse charlatão deveria estar preso juntamente com seu irmão ambos MENTIROSOS.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.