Omar Aziz ataca Bolsonaro com tom ameaçador.

O presidente da República Jair Bolsonaro voltou a falar dos membros da CPI da covid. Ele chamou o presidente da comissão, Omar Aziz, de “anta amazônica” e caracterizou ainda o vice, Randolfe Rodrigues, o relator Renan Calheiros e Aziz como “três otários”. O chefe do Executivo comentou com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada sobre denúncias contra o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, envolvendo a compra de vacinas Coronavac.

Bolsonaro disse ainda que as denúncias contra o general não se sustentam. O presidente alegou que também conversa com empresários diariamente, referindo-se a um vídeo em que Pazuello negocia a vacina Coronavac com intermediários. “Se é crime, eu sou criminoso”, justificou.

Em resposta aos ataques do presidente, Aziz pediu que Bolsonaro estude a fauna amazônica e defendeu que o chefe do Executivo federal “cada vez fala para menos pessoas”.

Omar Aziz declarou em seu Twitter na tarde de hoje (19/7), “Presidente, uma dica: estude a fauna Amazônica. O predador do macaco guariba é a onça. Esses militares que estão ao seu lado sabem disso, eles serviram no meu Estado. Pergunte a eles. Que fique claro: na CPI não tem anta, tem onça. E as onças vão pegar o guariba. Pode acreditar”.

One thought on “Omar Aziz ataca Bolsonaro com tom ameaçador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.