Pela 1ª vez, PSOL decide não lançar candidato à Presidência

O PSOL afirmou que não vai apresentar pré-candidatura à Presidência da República em 2022. A decisão foi tomada no Congresso Nacional do partido, realizado neste fim de semana.

A pauta prioritária da legenda é o impeachment de Jair Bolsonaro. Segundo o jornal O Globo, o PSOL ruma para manifestar apoio ao ex-presidiário Lula.

Apesar da defesa pela união das esquerdas em 2022, num cenário que se encaminha para ter Lula e Bolsonaro no segundo turno, o PSOL programou para o próximo ano uma brecha onde possa encaixar um eventual recuo na decisão de não lançar candidato.

O Globo

Desde que foi fundado em 2004, será a primeira vez que o PSOL não disputará o Planalto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.