Lula diz que vai implementar o autoritarismo chines no Brasil (Vídeo)

Segundo o ex-presidiário, a China é o resultado bem-sucedido de uma revolução cultural de 1949, liderada por Mao Tse Tung, que, através de sua política e expurgos, assassinou quase 80 milhões de pessoas.

Lula ainda diz que a China é um Estado forte e a população cumpre as decisões. Segundo o comunista, a China tem pulso forte. Ou seja, um país ditador e genocida, que o candidato a presidência admira e quer implementar no Brasil a partir de 2022.

Confira:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.