Trump diz que regime cubano não teria se mantido caso tivesse sido reeleito

O ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump declarou na última quarta-feira (22/7) à emissora de televisão “Telemundo”, voltada para o público hispânico, que o regime cubano não teria aguentado um segundo mandato seu por causa das sanções impostas quando estava na Casa Branca.

“Acho que eles não poderiam durar muito mais, porque eu fiz sanções, fiz muitas outras coisas, como você sabe, e agora eles se sentem encorajados”, afirmou Trump.

Durante o período em que esteve na Casa Branca, Trump incluiu Cuba na lista de países que apoiam o terrorismo, endureceu restrições de viagens e sanções comerciais, entre outras medidas.

O republicano crê que a gestão de seu sucessor deve afrouxar o bloqueio.

“Muito do trabalho que fizemos por Cuba e pela liberdade do povo será varrido para debaixo da mesa pela administração Biden” acresentou Trump.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.