TSE envia notícia-crime ao STF Contra Bolsonaro

O TSE enviou uma notícia-crime ao STF contra, o presidente da República, Jair Bolsonaro por vazamento de inquérito sigiloso da Polícia Federal que apurou o ataque hacker sofrido pela Corte em 2018.

Os alvos da notícia-crime são o presidente Jair Bolsonaro, o deputado federal Filipe Barros e o delegado da Polícia Federal que coordena o inquérito. O crime que se busca apurar é o de divulgação de segredo.

A notícia-crime será analisada no inquérito ilegal das fake news, de relatoria do ministro Alexandre de Moraes, que irá comandar o TSE no ano que vem.

O ofício é assinado por Luís Roberto Barroso, presidente do TSE; Luiz Edson Fachin, vice-presidente do TSE; Alexandre de Moraes, ministro do Supremo e do TSE; Luis Felipe Salomão, ministro do TSE e Corregedor-Geral Eleitoral, e Mauro Campbell Marques, Sérgio Silveira Banhos e Carlos Bastide Horbach, também ministros do TSE.

Documentos:

Ofício

Notícia-crime

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.